skip to Main Content

GABINETE DE GESTÃO INTEGRADA DE MARINGÁ

Ampliação do sistema penitenciário

O Gabinete de Gestão Integrada de Maringá – GGI-M, promoveu nesta terça-feira (17), uma reunião cuja pauta foi discutir a ampliação da capacidade da Penitenciária Estadual de Maringá (PEM), além de falar sobre as unidades prisionais do município. O encontro contou com a presença da Secretária de Estado de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Maria Tereza Gomes, que explicou aos presentes o plano que o governo do estado tem para o sistema penitenciário do Paraná. A prioridade é transferir das delegacias para os presídios os detentos que já estejam julgados, a fim de destinar as vagas das delegacias para o cumprimento do regime semi-aberto e evitar a superlotação das cadeias. Está prevista a ampliação de 336 vagas para a penitenciária de Maringá, a fim de ser efetuada a transferência dos detentos em delegacias da região. Há projeto para ampliação de vagas em todo o sistema estadual. A secretária assegurou que será também ampliada a estrutura para trabalho, lazer e educação dos presos. Anunciou ainda a construção de 18 novas colônias penais e a instalação de projeto piloto já efetivado no estado de Minas Gerais, as APACs. O objetivo é humanizar o tratamento do condenado e assegurar-lhe trabalho e educação para 100% da população carcerária, a fim de que regresse à sociedade.

Fonte: Assessoria PMM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top